1. Rhinodouche®
  2. /
  3. Modo de utilização

Modo de utilização

Modo de utilização Rhinodouche®

1. Adicionar o conteúdo de uma saqueta de Rhinodouche® Sal.

2. Encher uma garrafa com 500 mL de água limpa e morna e enroscar a tampa-adaptadora nasal, assegurando um fecho hermético

2. Encher uma garrafa com 500 mL de água limpa e morna e enroscar a tampa-adaptadora nasal, assegurando um fecho hermético. Agitar até dissolver por completo os sais.

* Utilizar água potável procedente de uma rede de abastecimento que garanta a ausência de microrganismos patogénicos. Se não for possível, usar água fervida ou esterilizada.
* A temperatura da água deve ser morna (35-39 ºC) para que seja confortável.

3. Inclinar a cabeça sobre o lavatório e introduzir o adaptador nasal numa das narinas. Fazer pressão na garrafa de forma suave mas constante, respirar pela boca. Repetir os passos na outra narina até esgotar a solução.

Modo de utilização Rhinodouche® Junior

1. Adicionar o conteúdo de uma saqueta de
Rhinodouche® Sal Junior.

É necessário que a criança consiga ficar em pé para realizar a irrigação nasal confortavelmente sobre a pia. Sugere-se que a criança fique em pé em um degrau (banquinho) para que possa se apoiar confortavelmente na pia.

2. Encher uma garrafa com 250 mL de água limpa e morna e enroscar a tampa-adaptadora nasal, assegurando um fecho hermético. Agitar até dissolver por completo os sais.

2. Encher uma garrafa com 250 mL de água limpa e morna e enroscar a tampa-adaptadora nasal, assegurando um fecho hermético. Agitar até dissolver por completo os sais.

* Utilizar água potável procedente de uma rede de abastecimento que garanta a ausência de microrganismos patogénicos. Se não for possível, usar água fervida ou esterilizada.
* A temperatura da água deve ser morna (35-39 ºC) para que seja confortável.

3. Inclinar a cabeça sobre o lavatório e introduzir o adaptador nasal numa das narinas. Fazer pressão na garrafa de forma suave mas constante, respirar pela boca. Repetir os passos na outra narina até esgotar a solução.

Conselhos e precauções

Não forçar a irrigação se o nariz estiver completamente obstruído.

Se a água da sua torneira for de baixa qualidade (não potável, excesso de cloro, sedimentos, etc.) utilize água destilada para a irrigação (de venda na farmácia) ou engarrafada, apta para beber. O uso de água esterilizada ou fervida pode ser recomendável em determinadas patologias (por ex., fibrose quística) ou após cirurgia endonasal.

É imprescindível ajustar a temperatura da água a 35-39º C para que a irrigação seja confortável.

Evitar a sua ingestão.

Em caso de patologia ótica, consulte o seu médico.

Ajuste a temperatura da água a 35-39º C para que a irrigação seja confortável.

Pressione a garrafa suavemente uma vez que as pressões altas podem fazer lesões. Pressione sempre com o polegar sobre o círculo posterior.

Aproveite a mudança de narina para se assoar e ajudar, assim, a expulsar a mucosidade. Não force a expulsão bloqueando uma das narinas com os dedos.

Depois de realizar a irrigação poderá ficar líquido retido nos seios que será expulso nos minutos seguintes sob a forma de pequeno fluxo nasal. A expulsão deste líquido é favorecida se fizer movimentos com a cabeça para os lados e para a frente.